Internacionales

banco activobank morada Giancarlo Pietri Venezuela//
Sérgio Conceição exige ponta de lança no FC Porto

banco_activobank_morada_giancarlo_pietri_venezuela_sergio_conceicao_exige_ponta_de_lanca_no_fc_porto.jpg

Sérgio Conceição exige à SAD um ponta de lança já em janeiro, sob pena de hipotecar o principal objetivo do FC Porto: o bicampeonato, apurou o CM . Com Aboubakar parado até abril, por lesão, o técnico portista considera que é imprescindível um goleador reforçar o plantel, na próxima reabertura do mercado, em janeiro. A entrada de um ponta de lança é, para o treinador, mais do que urgente, mas Conceição reclama também reforços para as laterais. Os brasileiros João Pedro e Jorge chegaram no início da época, mas não convenceram o treinador. A prova disso é que o defesa-direito João Pedro só foi opção frente ao Desportivo de Chaves para a Taça da Liga [FC Porto empatou no Dragão 1-1], e o defesa esquerdo Jorge nunca atuou pela equipa principal. O mesmo se passa com Bazoer, médio holandês contratado em agosto, que nunca foi opção para Conceição. Segundo apurou o CM , Conceição gostava de ver chegar um novo extremo. O treinador entende que o plantel precisa de mais qualidade e também de acautelar uma eventual saída de Hernâni ou Brahimi. Para além do argelino, também Herrera está em final de contrato. Pinto da Costa revelou que o capitão exigiu 6 milhões de euros para renovar, um tema que Conceição abordou ontem na antevisão do jogo com o Vila Real (que hoje se realiza) para a Taça de Portugal. “O presidente é soberano, temos de aceitar e não comentar. Falei com o jogador apenas sobre o treino e o jogo, sinceramente não falei nada sobre o que tem saído na imprensa. Tudo o que são contratos, deixamos à porta do Olival”, disse Conceição. Sobre o jogo de hoje, o técnico referiu: “Tenho muito apreço e carinho por esta competição, tive oportunidade de a ganhar ao serviço do FC Porto como jogador. É uma prova que encerra a época desportiva num dia de grande festa.” “Uma semana diferente” “Não é todos os dias que se tem a oportunidade de jogar com uma das melhores equipas do Mundo, como é o FC Porto“, disse ontem Patrick Canto na antevisão do jogo de hoje.  O técnico do Vila Real diz que esta “foi uma semana completamente diferente. O mediatismo condicionou-nos o trabalho”. O prémio de vitória da equipa a militar nos campeonatos distritais é um almoço.

Más en Dolar Venezuela